Não desista

Não desista

02/04/2019 2 Por Adriana Araújo

Quem nunca se sentiu mal vestido, desanimado, ou deslocado em uma roda de amigos?

Acredito que todos já passamos por isso na vida, e faz parte. O que não podemos é nos prender a esse tipo de acontecimento e deixar de nos admirar, de reconhecer nossa capacidade e potencial.

Já ouviu falar de auto-estima baixa?

Esse pode ser o resultado de quando deixamos de acreditar em nós mesmos, e num grau mais elevado, pode chegar a problemas emocionais que mencionamos na semana passada.

Ouvi uma história de uma garota de 15 anos que foi fazer um ensaio fotográfico e estava muito envergonhada e até triste. Enquanto conversava com uma das produtoras ela mencionou que não se achava bonita, que não seria capaz de fazer as fotos e que nem imaginava um futuro promissor.

Mas ela era linda, começando sua vida, cheia de possibilidades e com certeza com muita coisa incrível pela frente, e ainda assim estava presa a um sentimento de incapacidade que lhe fazia muito mal, emocionalmente e fisicamente.

Viu a que ponto é possível chegar, se machucar, se automutilar por não se sentir amada e nem se amar, por não se enquadrar em padrões criados pela mídia.
Que tristeza ouvir isso.
Que tristeza perceber que isso está crescendo cada vez mais.

Por favor, não desista.

Não desista dos seus sonhos, das suas possibilidades, da sua família e amigos, NÃO DESISTA DE VOCÊ.

Acredito que seja muito difícil enfrentar a barra sozinho, mas saiba que sempre tem alguém disposto a te ouvir e ajudar.

Ontem mesmo eu estava caminhando no Parque Ibirapuera (esqueci de tirar foto) e vi um grupo sentado à sobra de uma árvore com um placa que dizia “Escuta na Grama”, era um grupo voluntário de ajuda psicológica.

Existe também o CVV – Centro de Valorização da Vida que trabalha com apoio emocional e prevenção ao suicídio, 24 horas todos os dias pelo telefone 188 que vale para todo o território nacional.

Ainda que seja difícil falar, abrir o coração para uma pessoa, te faço um pedido: se apegue a Deus. Ele não desampara e sempre está contigo, te criou para ser feliz, se amar e amar o teu próximo como a você mesmo.

Se você está esta passando por algo parecido, saiba que VOCÊ É ESPECIAL, que VOCÊ É CAPAZ de grandes realizações, e não deixe que nunca ninguém te diminua.

Quando a “bad” apertar não guarde isso para você, sempre que conseguir converse sobre o assunto, isso vai aliviando um enorme peso das suas costas e te resgatando para tudo que a vida lhe reserva.

Agora, se você conhece alguém nessa situação, seja você o apoio que ele precisa, você pode salvar uma vida se estiver disposto a ouvir e acolher.

A vida é um presente e não devemos desistir de algo tão precioso.