259469573-abraco-3

Basta um abraço

Com tanta coisa que vivemos, em dias sempre atribulados, sufocamos nossas necessidades em sacrifício da sobrevivência diária. Corre-se para cumprir prazos, atender expectativas, ficar sempre “bonita” e autoconfiante. Mas ninguém é forte o suficiente para enfrentar tudo isso sem ao menos um momento de fragilidade e o extremo ficar “sem chão”.

Pois é, a armadura mais resistente pode ser abalada com uma má notícia, uma decepção, um atraso, um erro, um excesso ou até mesmo uma música triste que bate lá no fundo e te pega bem naquele dia top de TPM.

Em dias assim, em que nada mais cabe, se aconchegar num abraço é como flutuar sem tirar os pés do chão. Esquecer tudo e se achar deitada num campo aberto de grama macia e aquecida pelo sol sob medida.

Parece romântico demais, mas busque na memória, provavelmente você já passou por algo parecido, em que sem nem pedir alguém te abraçou, simplesmente abriu os braços e te encaixou perfeitamente com carinho e em silêncio.

Um abraço apertado, confortável e protetor. Nossa como é MARAVILHOSA essa sensação! abraco26722Assim como diz a música do Skank “… quando estiver triste, simplesmente me abrace”  ou a do Jota Quest “…o melhor lugar do mundo é dentro de um abraço.

As palavras tem um poder de te levantar ou levar ao fundo poço, mas um abraço, esse é capaz de te reconstruir, te encorajar,  desarmar, acolher, acalmar. E muitas vezes ele é o suficiente.

Receber é muito bom, mas oferecer também te fortalece, te liga a pessoa abraçada compartilhando o peso que tenta te derrubar.

Pratique a terapia do abraço, é de graça, não precisa de muita coisa, basta abrir os braços com carinho.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.